O Rosário é uma oração católica em honra à Santíssima Virgem Maria formado tradicionalmente por três terços. Papa João Paulo II acrescentou em seu papado mais um terço. Cada terço compreende cinco mistérios da vida de Nosso Senhor Jesus Cristo e de Nossa Senhora. Os mistérios são formados por um Pai-Nosso e dez Ave-Marias. Cada mistério recorda uma passagem importante da história da salvação, segundo a doutrina católica, e cada terço é constituído por cinco mistérios.

Os terços Online são apoiados pelo Projeto PELA VIDA, que com a ajuda de centenas de fiéis consegue manter estes e outros programas de vida, evangelização chegando as casas dos nossos queridos telespectadores que nos ajudam a evangelizar por meio da televisão e dos programas. Nosso compromisso é pelo ser humano na sua essência, vivencia de fé promoção da vida nas diversidades do dia a dia. Você pode ajudar também e saber mais sobre o propósito do Projeto PELA VIDA. Faça parte do Projeto PELA VIDA, clique aqui para saber mais.

Faça parte do PELA VIDA.

Padre Juarez de Castro

Em nome do Pai,
do Filho
e do Espírito Santo.
Amém.
Creio em Deus-Pai,
todo poderoso,
criador do céu e da terra
e em Jesus Cristo seu único filho, Nosso Senhor
que foi concebido pelo poder do Espírito Santo
nasceu da Virgem Maria
Padeceu sob Poncio Pilatos

Foi crucificado, morto e sepultado
desceu a mansão dos mortos
ressuscitou ao terceiro dia,
subiu aos céus
está sentado à direita de Deus Pai, todo poderoso, de onde há de vir a julgar
os vivos e os mortos
Creio no Espírito Santo,
na Santa Igreja Católica
na comunhão dos Santos
Na remissão dos pecados
na ressurreição da carne
na vida eterna
Amem.

Salve Maria,
Filha de Deus Pai.

Salve Maria,
Esposa do Espirito Santo.

Ave Maria cheia de graça,
o Senhor é convosco,
bendita sois Vós entre as mulheres,
e bendito é o fruto do vosso ventre, Jesus.
Santa Maria, Mãe de Deus,
Rogai por nós pecadores,
Agora e na hora da nossa morte. Amém.

No primeiro Mistério Glorioso, nós contemplamos a ressurreição de Jesus. No primeiro Mistério Luminoso, nós contemplamos o batismo de Jesus no rio Jordão. No primeiro Mistério Gozoso, nós contemplamos a anunciação do Anjo à Nossa Senhora. No primeiro Mistério Doloroso, nós contemplamos a agonia mortal de Jesus no Horto das Oliveiras.

No segundo Mistério Glorioso, nós contemplamos a ascensão de Nosso Senhor No segundo Mistério Luminoso, nós contemplamos a Boda de Caná, onde Jesus realiza o seu primeiro milagre. No segundo Mistério Gozoso, nós contemplamos a visita que Nossa Senhora faz a sua prima Isabel. No segundo Mistério Doloroso, nós contemplamos a flagelação de Jesus.

No terceiro Mistério Glorioso, nós contemplamos a vinda do Espírito Santos sobre os apóstolos e sobre Nossa Senhora, reunidos no senáculo. No terceiro Mistério Luminoso, nós contemplamos o anúncio do Reino de Deus. No terceiro Mistério Gozoso, nós contemplamos o nascimento de Jesus em Belém. No terceiro Mistério Doloroso, nós contemplamos a coroação de espinhos em Nosso Senhor.

No quarto Mistério Glorioso, nós contemplamos a assunção de Nossa Senhora ao Céu. No quarto Mistério Luminoso, nós contemplamos a Transfiguração de Jesus no Monte Tabor. No quarto Mistério Gozoso, nós contemplamos a apresentação do Menino Jesus no templo. No quarto Mistério Doloroso, nós contemplamos o Caminho do Calvário. Jesus, com a cruz às costas caminha até o Calvário.

No quinto Mistério Glorioso, nós contemplamos a coroação de Nossa Senhora, como Rainha do Céu e da Terra. No quinto Mistério Luminoso, nós contemplamos a Última Ceia e a instituição da Eucaristia. No quinto Mistério Gozoso, nós contemplamos a perda e o reencontro do Menino Jesus no templo entre os doutores da lei. No quinto Mistério Doloroso, nós contemplamos a crucificação e a morte de Jesus.

Pai nosso que estás nos céus,
santificado seja o Vosso nome.
Venha a nós o Vosso Reino.
Seja feita a Vossa vontade,
assim na Terra como no Céu.
O pão nosso de cada dia nos dai hoje.
Perdoai as nossas ofensas assim como nós
perdoamos a quem nos tem ofendido.
E não nos deixeis cair em tentação,
mas livrai-nos do mal.

Salve, Rainha,
Mãe misericordiosa,
vida, doçura e esperança nossa, salve!
A vós brandamos os degregados filhos de Eva.
A vós suspiramos, gemendo e chorando
neste vale de lágrimas.
Eias pois, advogada nossa,
esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei,
e depois deste desterro mostrai-nos Jesus,
bendito fruto de vosso ventre,
ó clemente,
ó piedosa,
ó doce sempre Virgem Maria.
Rogais por nós Santa Mãe de Deus.
Para que sejamos dignos das promessas de Cristo.
Amém.

Glória ao Pai e ao Filho
e ao Espírito Santo.
Como era no princípio, agora e sempre.
Amém.

A origem do Santo Rosário

A oração do Santo Rosário surge aproximadamente no ano 800 à sombra dos mosteiros, como “Saltério” dos leigos. Dado que os monges rezavam os salmos (150), os leigos, que em sua maioria não sabiam ler, aprenderam a rezar 150 Pai-Nossos. Com o passar do tempo, se formaram outros três saltérios com 150 Ave-Marias, 150 louvores em honra a Jesus e 150 louvores em honra a Maria.

Segundo uma tradição a Igreja católica recebeu o Rosário em sua forma atual em 1206 quando a Virgem teria aparecido a Santo Domingo e o entregou como uma arma poderosa para a conversão hereges e outros pecadores daquele tempo. Desde então sua devoção se propagou rapidamente em todo o mundo com incríveis e milagrosos resultados.

No ano 1365 fez-se uma combinação dos quatro saltérios, dividindo as 150 Ave-Marias em 15 dezenas e colocando uma Pai Nosso no início de cada uma delas. Em 1500 ficou estabelecido, para cada dezena a meditação de um episódio da vida de Jesus ou Maria, e assim surgiu o Rosário de quinze mistérios.

A palavra Rosário significa “Coroa de Rosas”. É uma antiga devoção católica que a Virgem Maria revelou que cada vez que se reza uma Ave-Maria lhe é entregue uma rosa e por cada Rosário completo lhe é entregue uma coroa de rosas. A rosa é a rainha das flores, sendo assim o Rosário de todas as devoções é, portanto, tido como sendo a mais importante. Em quase todas as Suas Aparições, Maria Santíssima exibiu e estimulou a devoção do Rosário; numa delas chegou mesmo a oferecê-lo, a uma jovem leiteira(Aparições de Argoncilhe, Portugal).

Oração e Meditação

A meditação de cada mistério acha sua base na Sagrada Escritura: é opcional a leitura do trecho que narra o que será contemplado, ou a divisão de um ou mais trechos em dez pedaços, de forma que seja lido parte a parte antes de cada Ave-Maria.

Em sua maioria, as leituras são dos Evangelhos, mas também há trechos do Antigo Testamento que ajudam a compreender o que se passa na ocasião, ou comentários doutrinários sobre elas contidos nas epístola. Os dois últimos mistérios (Assunção e coroação) não são do Evangelho, mas profetizados: por exemplo, no Livro de Judite, uma mulher salva o povo; nos Salmos, há frequentes elogios a uma figura feminina, presentes também no Cântico dos Cânticos; e, definitivamente, no Apocalipse, um sinal nos céus apresenta uma mulher como Rainha, que a Tradição Apostólica, desde os primeiros tempos, afirmou tratar-se de Maria.

PARTICIPE DA REDEVIDA E ORE COM A GENTE